A poesia está em todos os lugares, basta olhar não apenas com os olhos, mas olhar também com o coração!!!


Sou e serei sempre um eterno sonhador!!!





VOCE VISITANTE, É SEMPRE BEM VINDO!!!





terça-feira, 21 de setembro de 2010

Contemplação

Será que os dias frios voltarão logo?
Pois eu já preciso tanto ser aquecido
Me abrace, me faça te sentir, te rogo
Nunca mais deixe eu me sentir esquecido
Quando as folhas voltarão a cair?
Que tempo é esse que estou vivendo?
Parece que nada quer contribuir
E tão afastado, me sinto perecendo
Teus olhos estão tão distantes
Sem eles, o que faço agora?
Em mim foram como o sol, brilhante!
Queria tanto tocá-los como outrora!!!
Percorri um caminho solitário
Tentei, tentei e na jornada me perdi
Te ilustrei no meu imaginário
Mas o perfeito na verdade eu não vivi
Gritei, gritei e nunca fui ouvido
E acabei então por me esconder
Em outra vida e não ser mais ferido
E minha maior derrota esquecer
As vezes me pergunto: porque estou triste?
Como recuperar o tempo que passou?
A eternidade será mesmo que existe?
Pra vivermos lá o que nunca terminou...



Como diz certo poeta: Por ela as contradições e até os desvarios, cada insensatez e cada desafio!


Poeta de Cá

Nenhum comentário:

Postar um comentário